Novo Pacote para a Economia Circular contribui para «fechar o ciclo» de vida dos produtos

A Comissão Europeia adotou um novo pacote da economia circular, que visa ajudar as empresas e os consumidores a fazerem a transição para uma economia mais circular, reforçar a competitividade europeia, promover um crescimento económico sustentável e criar mais emprego. As medidas propostas contribuirão para «fechar o ciclo» de vida dos produtos através de mais reciclagem e reutilização.

Esta transição será financeiramente apoiada pelos Fundos Europeus Estruturais e de Investimento, nomeadamente por 650 milhões de euros do Horizonte 2020 (programa da UE de financiamento para investigação e inovação), por 5,5 mil milhões de euros de fundos estruturais para a gestão dos resíduos e por investimentos na economia circular a nível nacional.

Foi, ainda, aprovada uma proposta legislativa em matéria de resíduos que fixa objetivos de redução. Alguns dos principais elementos da proposta revista em matéria de resíduos são:

  • Um objetivo comum europeu de reciclar 65 % dos resíduos urbanos até 2030;
  • Um objetivo comum europeu de reciclar 75 % dos resíduos de embalagens até 2030;
  • Um objetivo vinculativo de redução da deposição em aterro a um máximo de 10 % de todos os resíduos até 2030;
  • A proibição de depositar em aterros resíduos submetidos a recolha seletiva;
  • Promoção de instrumentos económicos para desencorajar a deposição em aterros.

Share This: